Histórias de empreendedores brasileiros que começaram do zero

Histórias de empreendedores brasileiros que começaram do zero

Os empreendedores de sucesso são pessoas visionárias que enxergam além do que os outros veem. Nem sempre os grandes empreendedores começaram com grandes investimentos, muitos, aqui no Brasil, começaram com muito pouco. 

No entanto, eles se arriscaram sem medo, inovaram, ficaram atentos às grandes oportunidades e se tornaram o que são hoje.

Hoje em dia, esses empreendedores são muito conhecidos, que mesmo diante de tantas dificuldades conseguiram crescer, sem muito dinheiro.

O que é Empreendedor

Empreendedor é aquele que toma a iniciativa de empreender, de ter um negócio próprio. É aquele que sabe identificar as oportunidades e transformá-las em uma organização lucrativa.

O empreendedor é aquele indivíduo que é criativo, inovador, arrojado, que estabelece estratégias que vão delinear seu futuro.

É aquele que sabe determinar quais e como seus produtos ou serviços serão colocados no mercado. É o que estabelece metas, que inicia projetos, que controla resultados, que visualiza e busca o sucesso de seu empreendimento.

Ser empreendedor de sucesso é acreditar na sua capacidade de liderança, é estar motivado, ter capacidade de planejar para o longo prazo e maximizar seu desempenho no curto prazo.

O bom empreendedor é aquele que analisa, identifica, define, decide e monitora o desempenho do seu negócio. É aquele que descobre armadilhas e que implementa novos rumos em busca de resultados eficazes.

Histórias de empreendedores brasileiros que começaram do zero

Confira aqui a história de alguns empreendedores que obtiveram sucesso aqui no Brasil e que podem servir de inspiração para você.

Antônio Alberto Saraiva

O grande criador do Habib’s, nasceu em Portugal e se naturalizou brasileiro, enquanto estudava para ser médico, em São Paulo, assumiu a padaria de seu pai. Enquanto estava na faculdade estudando, a padaria de seu pai sofreu um assalto e os assaltantes o mataram.

Foi então que Antônio largou a faculdade de medicina e se dedicou à padaria de seu pai e apostou em preços menores que os da concorrência, 30% menos. Saraiva tirou o negócio da situação precária em que se encontrava, e em 1 ano e 4 meses conseguiu vender.

Depois ele continuou seus estudos e pegou seu diploma de medicina, mas o que mais ficou presente em sua vida foi o espírito empreendedor.

Depois de criar e vender várias empresas de sucesso, Saraiva finalmente comprou o que é hoje uma das maiores franquias no Brasil, o Habib’s, que com o sucesso virou uma franquia.

Eloi D’Avila

O grande empreendedor dono da maior companhia de turismo que é voltada para empresas e que gera emprego para mais de 5 mil pessoas. Sua história é muito sofrida e poderia ter terminado de forma bem comprometedora, mas ele deu a volta por cima. 

apenas com 8 anos Eloi fugiu de casa, em Porto Alegre por causa de seu cunhado, um alcoólatra, que batia nele. 

Eloi virou morador de rua e foi pedindo carona que chegou a São Paulo. Com a idade de 12 anos, ele começou a trabalhar em uma padaria, depois de um desentendimento com o patrão, foi demitido.

Após trabalhar em São Paulo para uma família, foi para o Rio de Janeiro, onde trabalhou de lavador e guardador de carros. Depois começou a trabalhar na maior agência de turismo, na época, aqui no Brasil, a Stella Barros, seu trabalho era como office Boy. Foi então que a proprietária da empresa deixou que ele dormisse no sofá. Foi, então, que após anos como morador de rua, passou a ter um lugar para ficar. Elói, tem até hoje sofás de dois lugares em suas lojas, como símbolo de suas raízes. 

Quando tinha 17 anos e estava mais preparado voltou a São Paulo com o objetivo de ajudar sua irmã, que tinha 6 filhos. 

Quando tinha 20 anos se casou e para sustentar sua família fazia jornada tripla em 3 empregos, no Bradesco, na Rodoviária e na Linhas Aéreas Paraguaias.

Quando seu filho nasceu já estava trabalhando como diretor de vendas da LAP. Como nem tudo são flores, veio a crise e Eloi ficou desempregado.

No entanto, não ficou muito tempo nessa situação, logo foi convidado para trabalhar na rede Panamericana de Hotéis para ser representante no Brasil. Foi no ano de 1974 que conseguiu, então, fundar a EDO, que é hoje a conhecida e grande empresa de sucesso a FlyTour.  

Leia Também:

Deixe um comentário